quinta-feira, 1 de abril de 2010

mãe







ANTES DE SER MÃE



Silvia Schmidt


Antes de ser mãe, eu fazia e comia

os alimentos ainda quentes.

Eu não tinha roupas manchadas,

tinha calmas conversas ao telefone.

Antes de ser mãe, eu dormia o quanto eu queria,

Nunca me preocupava com a hora de ir para a cama.

Eu não me esquecia de escovar os cabelos e os dentes


Antes de ser mãe,

eu limpava minha casa todo dia.

Eu não tropeçava em brinquedos e

nem pensava em canções de ninar.

Antes de ser mãe, eu não me preocupava:

Se minhas plantas eram venenosas ou não.

Imunizações e vacinas então,

eram coisas em que eu não pensava.


Antes de ser mãe,

ninguém vomitou e nem fez xixi em mim,

Nem me beliscou sem nenhum cuidado,

com dedinhos de unhas finas.

Antes de ser mãe,

eu tinha controle sobre a minha mente,

Meus pensamentos, meu corpo e meus sentimentos,

e dormia a noite toda.

Antes de ser mãe,eu nunca tive que

segurar uma criança chorando,

para que médicos pudessem fazer testes

ou aplicar injeções.

Eu nunca chorei olhando pequeninos

olhos que choravam.

Nunca fiquei gloriosamente feliz

com uma simples risadinha.

Nem fiquei sentada horas e horas

olhando um bebê dormindo.


Antes de ser mãe, eu nunca segurei uma criança,

só por não querer afastar meu corpo do dela.

Eu nunca senti meu coração se despedaçar,

quando não pude estancar uma dor.

Nunca imaginei que uma coisinha tão pequenina,

pudesse mudar tanto a minha vida e

que pudesse amar alguém tanto assim.

E não sabia que eu adoraria ser mãe.


Antes de ser mãe, eu não conhecia a sensação,

de ter meu coração fora do meu próprio corpo.

Não conhecia a felicidade de

alimentar um bebê faminto.

Não conhecia esse laço que existe

entre a mãe e a sua criança.

E não imaginava que algo tão pequenino,

pudesse fazer-me sentir tão importante.


Antes de ser mãe, eu nunca me levantei

à noite toda , cada 10 minutos, para me

certificar de que tudo estava bem.

Nunca pude imaginar o calor, a alegria, o amor,

a dor e a satisfação de ser uma mãe.

Eu não sabia que era capaz de ter

sentimentos tão fortes.

Por tudo e, apesar de tudo, obrigada Deus,

Por eu ser agora um alguém tão frágil

e tão forte ao mesmo tempo.

Obrigada meu Deus, por permitir-me ser Mãe!



12 comentários:

  1. Rose,

    Eu já conhecia esse texto, e quero dar-lhe os parabéns por postá-lo, pois acredito que nem todos o conhecem.

    Antes de ser mãe, com certeza, nós não sabíamos o significado do verdadeiro e incondicional AMOR.

    Lindo demais.

    Bjs.

    Ro.

    ResponderExcluir
  2. Olá Rose,

    Em muitas das situações relatadas pode colocar ai, antes de ser pai....

    Texto muito bom e verdadeiro...

    Abraço

    ResponderExcluir
  3. A gente tem que viver certas passagens na vida para poder saborear e dar valor. Ser mãe é algo que não tem como descrever. É absoluto presente de Deus o dom de gerar e tudo mais que acompanha tamanha responsabilidade e amor.

    ResponderExcluir
  4. Linda mensagem Rose,é uma pena que a minha mãe nunca mostrou-me este amor maravilhoso que é o de mãe...

    Beijossss.............

    ResponderExcluir
  5. Linda mensagem mesmo, incrível que como mães nos identificamos prontamente.

    Adorei!

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Lindo texto. Ainda não sou mãe e não experimentei essas sensações que devem ser maravilhosas.
    Bjos

    ResponderExcluir
  7. Rose
    Que linda poesia!...Ser mãe é a dádiva mais sublime que Deus presenteou á mulher!!!...
    Feliz Pascoa!
    beijnhos
    joana

    ResponderExcluir
  8. Oi querida amiga Rose, ainda não sou mãe e se um dia virei a sê-lo , mas com certeza sei reconhecer que essas sensações descritas são as mais incriveis que uma mulher pode sentir.
    Lndo post, parabéns !
    Beijos no coração
    Márcia Canêdo

    ResponderExcluir
  9. Oi querida amiga Rose, ainda não sou mãe e se um dia virei a sê-lo , mas com certeza sei reconhecer que essas sensações descritas são as mais incriveis que uma mulher pode sentir.
    Lndo post, parabéns !
    Beijos no coração
    Márcia Canêdo

    ResponderExcluir
  10. Muito lindo o texto escolhido, obrigado por essa partilha.
    Abraços forte

    ResponderExcluir
  11. Oi Rose,

    Muito bonito e verdadeiro este texto. A maternidade muda a gente num instante. É só o bebê nascer e somos outra pessoa.

    Que foto linda a sua com seu filho. Que recanto agradável, que árvore! Um post perfeito.

    bjs

    ResponderExcluir

Não estamos aceitando comentários anônimos

Visite- Mira Fotos

Seguidores

Faça parte deste jardim