sábado, 12 de dezembro de 2009

Sonha



Sonha

Inventa um alfabeto
De ilusões...
Um a-bê-cê secreto
Que soletres à margem das lições...
Voa pela janela
De encontro a qualquer sol
que te sorri!


Asas? Não são precisas:
Vais ao colo das brisas,
Asas da fantasia...

Miguel Torga

7 comentários:

  1. Que linda, Rose!!
    Gosto muito das poesias dele ;)

    "Asas? Não são precisas:
    Vais ao colo das brisas,
    Asas da fantasia..."

    Beijo carinhoso

    ResponderExcluir
  2. Muito linda as flores e o poema também.
    abraços forte

    ResponderExcluir
  3. Lindo poema, amiga!
    E a foto é muito bonita. Parecem flores de amendoeira. :)

    Beijos
    Luísa

    ResponderExcluir
  4. Saudações!
    Amiga Rose,
    Que Post Fascinante!
    Mais uma bela Poesia que você nos presenteia!
    Belíssima imagem!
    Parabéns pelo lindo POST!
    Abraços fraternos,
    LISON.

    ResponderExcluir
  5. Vc sempre com bom gosto pra tudo!!
    Linda poesia e lindo gosto o seu tbm!!

    Bjs Rose!

    ResponderExcluir
  6. Olá, Rose!

    Nossa! Que lindo poema. Eu fiquei encantado com a poesia.

    Abraços

    Francisco Castro

    ResponderExcluir
  7. Lindo Rose, a foto sublime e a suavidade dp poema!

    ResponderExcluir

Não estamos aceitando comentários anônimos

Visite- Mira Fotos

Seguidores

Faça parte deste jardim