quarta-feira, 31 de março de 2010

Japão fica colorido com cerejeiras na Primavera


Após um inverno rigoroso
as flores de sakuras começam a florir
na minha região aqui em Gunma - Japão



16 comentários:

  1. Olá Rose querida!
    As árvores recheadas de flores falam por si. As fotos estão lindíssimas. Adorei!
    Beijo no coração, Fernandez.

    ResponderExcluir
  2. Oi Rose,

    Que coisa linda e delicada... não sabia que se chamava sakura. Dá prazer andar numa rua assim florida. Que bom!

    bjs

    ResponderExcluir
  3. BELISSÍMAS FOTOS AMEI,BJO E PAZ

    ResponderExcluir
  4. Maravilhoso... Rose..

    O florescer das cerejeiras é um espetáculo da natureza inesquecível por sua beleza e simplicidade..
    bjo

    ResponderExcluir
  5. Quanta beleza! Que lindo! Eu adoraria sentar num banquinho e ficar olhando aquelas arvores!

    ResponderExcluir
  6. É um verdadeiro espetáculo! Trabalho em uma cidade do interior de São Paulo que tem na sua avenida de entrada uma série de pés de cerejeira. Todo ano é aquela beleza!!!

    ResponderExcluir
  7. Que lindo Rose... que delícia estar aí!
    Beijo no coração

    ResponderExcluir
  8. Quem dera em minha região existisse primavera...

    ResponderExcluir
  9. Maravilhosas as fotos Rose!

    Beijinhos
    Luísa

    ResponderExcluir
  10. Olá, Rose! Recebi pelo orkut o convite e o link do seu blog para ver as cerejeiras..E não resiti! Vim admirar estas maravilhas! Lindas fotos!


    E deixo aqui um poema de Daisaku Ikeda

    Cerejeiras em flor, poupadas dos ataques aéreos.
    aéreos.
    Sob o Céu Azul, as pétalas dançam no ar.

    Ao redor, o chão sulcado de ruínas.
    Os miseráveis não podem ver as flores.

    Que penosa a longa caminhada deles,
    Caminho de pais e de filhos.

    Entre tantas choupanas humildes,
    as flores tem a mesma cor da aurora.

    Como um símbolo do nosso tempo:
    homens de poder, homens de paz.
    .
    "Flores que caem, flores que permanecem
    Serão flores que cairão "- canta um homem.

    Flores da juventude, são milhões delas
    - Por que elas caem, por que elas caem?

    Nos distantes mares do Sul, árvores infelizes,
    Seus ramos doem porque não florescem.

    E meus amigos sobrevivem, de coração ferido
    pela perda de suas esperanças.

    Será que um dia também nós cairemos e nos
    dispersaremos
    sem sequer saber se tudo é transitório ou
    eterno?

    Flores que caem,
    Flores que perduram
    - para sempre floresçam
    cheias de perfume
    na primavera
    debaixo dos temporais.

    Daisaku Ikeda


    Afetuoso beijo!

    ResponderExcluir
  11. Obrigada pelos comentários
    Rose Nakamura

    ResponderExcluir

Não estamos aceitando comentários anônimos

Visite- Mira Fotos

Seguidores

Faça parte deste jardim