sexta-feira, 15 de janeiro de 2010

alvorada





Há uma primavera em cada vida: é preciso cantá-la assim florida, pois se Deus nos deu voz, foi para cantar! E se um dia hei-de ser pó, cinza e nada que seja a minha noite uma alvorada, que me saiba perder...para me encontrar....
Florbela Espanca

9 comentários:

  1. Alvorecer e florescer ... tudo a ver.

    ResponderExcluir
  2. Rose,

    Parabéns, muito bonito.

    Abraços!

    ResponderExcluir
  3. ...o que seria do mundo sem as flores? Apenas um deserto sem vida e sen alegria! Ainda bem que tem flores o ano inteiro e não só na primavera!

    ResponderExcluir
  4. Olá amiga Rose, a primavera é a estação mais linda que tem, as flores e árvores ficam exuberantes. Linda foto esta que colocastes, és uma artista e excelente fotógrafa.

    Bjão.

    ResponderExcluir
  5. Roseeee,
    Que lindo esse Espaço! cheinho de poesias igual meu Compartilhando as Letras. Pode usar o que quiser do meu Blog, viu? Estamos aqui para compartilhar. Muitos beijinhos fofinhos calorentos do Rio.

    ResponderExcluir
  6. Olá querida amiga Rose,

    Parabéns por mais esta postagem.
    Versos que fazem o coração palpitar.
    Flores que encantam o nosso olhar.
    Carinhoso e fraterno abraço,
    Lilian

    ResponderExcluir
  7. Linda foto.
    A natureza sempre oferece um ângulo novo.
    Eu finjo que sou fotógrafo e as vezes saem coisas boas.
    Dê uma olhadinha lá no meu blog de fotos.

    http://www.panoramio.com/user/1811313

    ResponderExcluir
  8. O negócio é prolongar essa primavera o máximo possível.

    ResponderExcluir
  9. Querida amiga, veja que lindo
    que encontrei e lembrei de ti:

    "Alvorada"
    Já se rasga o dia
    No crepúsculo da aurora
    Já o galo canta a alvorada
    Em estridente melodia
    Em mim relincham
    Mil corcéis de alegria
    Já diviso agora
    A figura feminina
    Etérea
    Vaporosa
    Que deitada em nuvens cor-de-rosa
    Me sorri
    É a minha dama
    Que enfim
    Acorda
    Feliz porque não parti
    Quando
    Por fim
    O Sol raiar
    Então sim
    Nos vamos poder amar
    Amar à luz do dia
    Deitados em lençóis de poesia

    Poesia de
    Henrique Pedro
    http://henriquepedro.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Não estamos aceitando comentários anônimos

Visite- Mira Fotos

Seguidores

Faça parte deste jardim