segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Ser mulher


SER MULHER

Ser mulher não é ter nas formas de escultura,
No traço do perfil, no corpo fascinante,
A beleza que um dia o tempo transfigura
E um olhar deslumbrado atrai a cada instante.

Ser mulher não é só ter a graça empolgante,
O feitiço absorvente, a lascívia e a ternura;
Ser mulher não é ter na carne provocante
A volúpia infernal que arrasta e desfigura...

Ser mulher é ter na alma essa imortal beleza
De quem sabe pensar com toda a sutileza
E no próprio ideal rara virtude alcança...

É ter, simples e pura, os sentimentos francos...
E, ainda no fulgor dos seus cabelos brancos,
Sonhar como mulher, sentir como criança!

Carmen Cintra

6 comentários:

  1. Lá está a flor de lotus maravilhosa... Sentir-se jovem é muito bom. É exatamente como me sinto.

    bjs

    ResponderExcluir
  2. Saudações!
    Que Post Fascinante!

    Amiga Rose, parabenizo-a pela nobre escolha...Um Poema que fala de alma para a alma!
    Parabéns pelo lindo Post!
    Abraços,
    LISON.

    ResponderExcluir
  3. Rose... que poema! Ser mulher é possuir uma alma para ser admirada!
    Ameeeeeeiiiiiii a flor
    Beijo no coração

    ResponderExcluir
  4. Sublime poema Rose, gratificante para a alma e para a mente, sonho que é realidade vivida por poucas..

    ResponderExcluir
  5. O que importa é a beleza interior ...

    ResponderExcluir

Não estamos aceitando comentários anônimos

Visite- Mira Fotos

Seguidores

Faça parte deste jardim